Na Pormade, uma ferramenta vem sendo utilizada para prospectar novos clientes. O aplicativo “Caça Obras” foi criado pela equipe de T.I da empresa.

De início, a Pormade fez um piloto do aplicativo, abrangendo a cidade de Ponta Grossa (PR). Após alguns dias de teste, a empresa lançou a segunda versão, que se estendeu à cidade de Curitiba (PR). Atualmente, o aplicativo já é utilizado em São José do Rio Preto (SP), São Paulo (SP) e Campinas (SP). A ferramenta apresenta para a equipe da Pormade um parâmetro com obras em andamento dessas cidades.

O aplicativo traz a possibilidade de a equipe da Pormade analisar fotos e outras informações dessas obras. 

Quem fotografa as obras precisa realizar um cadastro no aplicativo colocando informações como telefone, e-mail, endereço, etc. Após o cadastro, o usuário já pode fotografar obras pela região em questão e publicar no aplicativo.

A equipe da Pormade que utiliza a ferramenta analisa as fotos e as informações das regiões de interesse. Se as fotos estiverem em boa qualidade e em um enquadramento que ofereça informações úteis à Pormade, o usuário do aplicativo que fotografou recebe R$10,00.

Na Pormade, o aplicativo vem sendo utilizado diariamente. O usuário cadastrado deve colocar junto com a foto informações como endereço da obra, telefone, e-mail, nome do contato da obra (pessoa que repassa as primeiras informações), responsável pela obra (arquiteto, engenheiro, construtor ou proprietário), tipo de obra (casa, comercial, empresa, prédio ou reforma) e fase da obra (projeto, fundação, estrutura e acabamento).

Após a análise da foto e de todas as informações colocadas no aplicativo, a equipe que trabalha com a ferramenta direciona a obra ao setor responsável (varejo, engenharia, setor que atende arquitetos, instaladores, etc).