A Pormade oferece cursos de artesanato e pintura em tela para os seus funcionários, familiares e à comunidade. O projeto leva o nome de “Arte no Descarte” e acontece semanalmente no Centro de Desenvolvimento Humano Pormade (Cedehp).

O curso de artesanato tem a duração média de sete meses. A professora e artista plástica, Ericleia Larsen Jarentchuk, está no projeto há oito anos. A ideia de implantar as aulas na Pormade surgiu quando Ericleia reutilizou resíduos da empresa para fazer peças de artesanato. Ela apresentou o material para a direção, que aprovou e apoiou a ideia.

Nas aulas, os alunos recebem o material e aprendem a pintá-lo. A professora mostra o que deve ser feito e auxilia quem tem alguma dúvida ou precisa de ajuda. Grande parte do material usado para a produção das peças vem de resíduos da empresa. Ericleia explica que, além de aprenderem, os alunos podem comercializar as peças que produzem. “As aulas são um lazer para quem participa. O clima é de confraternização. Além de servir como uma terapia é também um ganho extra”.

As peças produzidas podem ser utilizadas em diferentes ambientes, como banheiros, recepções, cozinhas, entre outros. “É muito gostoso de participar. Todos os alunos se ajudam. As aulas estão bem interessantes. Ao mesmo tempo em que aprendemos, vamos colocando o conhecimento em prática”, conta a aluna Marisa Fenker.

Todo o material do curso de pintura em tela também é disponibilizado nas aulas. Os alunos desenvolvem a criatividade para o uso das cores e do tema escolhido. Quando a produção das peças termina, cada aluno escolhe qual finalidade dará para o seu material.